Sobre o inglês jurídico

 

TEXTO INTRODUTÓRIO

 

O estudo do Inglês Jurídico resulta em um grande desenvolvimento pessoal e profissional para todos os envolvidos na construção de relações jurídicas no decorrer de qualquer tipo de interação internacional. Jovens advogados podem aproveitar a oportunidade para aumentar o alcance de seu desenvolvimento profissional. Grandes escritórios buscam qualificar seus advogados para negociar com firmas e empresas estrangeiras. Além disso, profissionais do mundo dos negócios em diversas esferas tem visto esse aprendizado como essencial para boas relações em seus negócios. O desenvolvimento do idioma e a qualificação resultante abrem as portas do mundo para a vida profissional.

 

Não há como negar o fato de que vivemos em um novo contexto, em um mundo globalizado, onde os atores existentes em nossas relações profissionais são, por muitas vezes, grupos e pessoas que trabalham com outra linguagem, com outro idioma, com outra cultura.

 

O objetivo é fechar bons negócios e desenvolver uma boa construção usando o inglês, sem vivenciar as confusões do dia a dia de quem não domina os temas necessários para uma boa prática jurídica ou negocial.

 

Inglês Jurídico é uma linguagem específica, totalmente a parte do inglês comum. Na verdade, os falantes nativos, só irão conhecer a linguagem jurídica a partir do momento em que for necessário para vida deles, ou quando entrarem na faculdade de direito. Como disse Scott Turrow no seu livro “One L”, “aprender direito é como aprender uma segunda língua”. Todos que já estudaram direito em português sabem disso, é aprender uma nova linguagem, com toda uma cultura linguística expressa em novos termos e novos significados para termos já conhecidos, é como entrar em um novo país, com costumes e linguagem distinta, e tão necessária para uma boa vida profissional e teórica.

 

O conhecimento técnico abre as portas para contratos, serviços e para o trabalho em qualquer parte do mundo. Hoje em dia, o intercambio cultural e técnico é pré-requisito para entrar no mercado internacional e, consequentemente, expandir as possibilidades, antes regionais, para todo o mundo. Escritórios buscam clientes no exterior e precisam ser capazes de apresentar seus serviços em inglês. É interesse do Estado e de todos os profissionais do Direito defender os interesses do Brasil no exterior, e finalmente, garantir boas relações comerciais através da boa prática do idioma. Inglês Jurídico não é bem uma nova área, porém sua demanda se tornou maior e constante, sendo necessária a construção de pleno conhecimento, resultando no bem de todos e no desenvolvimento do país como ator de alta relevância no cenário mundial político e econômico.

 

Christ Church College and Cathedral.
Christ Church College and Cathedral.

 

Oxford (158)

 

DESCRIÇÃO DO CURSO DE INGLÊS JURÍDICO

 

O Curso começa com o SISTEMA JURÍDICO BRITÂNICO, sendo este um tema voltado a promover o conhecimento geral da cultura inglesa, e do pensamento jurídico inglês.

Após essa breve introdução entramos nos primeiros 3 módulos, baseados no material de Cambridge:

The Practice of Law - Terminologia Geral do Inglês Jurídico.

Company Law - Direito Empresarial.

Contract Law - Direito Contratual.

Na primeira fase do Curso o aluno entra em contato com os primeiros verbos, sujeitos e substantivos. Além disso, conhecerá o conteúdo básico para o entendimento do inglês jurídico e o módulo mais popular de todos, CONTRACTS.

A segunda fase do Curso de inglês jurídico começa com direito material. Iniciamos com o Direito Comercial para aplicar os temas anteriores na linguagem comercial e do comércio exterior. Os módulos da segunda fase são os seguintes:

 

Sales of Goods - Direito Comercial.

Real Property Law - Direito Imobiliário.

Intellectual Property - Propriedade Intelectual.

English Civil Procedure - Processo Civil Inglês.

 

O Curso termina com Processo Civil, sendo este um grande contraste ao nosso sistema, o objetivo do módulo é trazer conhecimento processual em inglês e também gerar novas ideias para o nosso sistema e para a prática jurídica brasileira.

O Curso tem a duração média de 10 meses para alunos fluentes, sendo 4 meses para os primeiros módulos e mais 6 para os outros módulos. No entanto, se o aluno não for fluente, providenciamos a fluência através de uma estratégia de ensino que englobando o inglês e o inglês jurídico.

Abraços a todos,

Thiago Calmon

 

4 comentários sobre “Sobre o inglês jurídico”

  1. Olá,
    Tenho interesse em fazer um curso de Inglês Jurídico.
    Sou avançada no Inglês, mas acabei de entrar na faculdade de Direito.

    Como funciona? Vocês possuem alguma prova de nivelamento específica para Inglês Jurídico ou vocês avaliam apenas o nível de Inglês no geral?

    Obrigada!

  2. Caríssimo,

    O Curso de Inglês Jurídico do Instituto é ministrado Online, ao Vivo, através do Zoom Client for Meetings. – O Curso de Contratos Internacionais: Interpretação e Elaboração de Contratos é ministrado tanto em EAD – Online quanto de maneira presencial.

    Atualmente ministramos também Cursos presenciais em algumas Instituições, como a Católica de Santa Catarina.

    Por favor, entre em contato através do e-mail thiago@thiagocalmonenglish.com para otimizarmos a melhor solução para sua demanda.

    At.te,

    Thiago Calmon
    Diretor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *